imagens

Páginas

segunda-feira, 9 de junho de 2014

Exercício 04 - Análise

Defino ARAS como Área de Referencia de Atividade Social.

Todos nós vivemos e agimos em um microcosmo, cujos pontos de referencias limítrofes são nossa casa e nosso trabalho. Um ponto adjacente é 0 local de estudo.

Ainda que pessoas trabalhem fora da sede de sua empresa, ou mesmo em sua casa, esta área tem sua abrangência limitada nos arredores da base de operações, para onde convergimos periodicamente.

Mesmo que profissionais viagem longas distancias para executar uma tarefa do trabalho, ou trabalhe home office, sua base de operações é o limite onde exerce suas atividades sociais.

As atividades sociais são aquelas que fazemos cotidianamente no convívio social, qual sejam, ir ao trabalho, à escola, à igreja, fazer compras, passear, ir ao médico, ir ao local de lazer, participar de eventos, ir ao estádio de futebol, visitas à amigos ou familiares, dentre outras atividades.

Essas ações demandam tempo e tem custos. Haja visto que, se moramos longe de um local onde necessitamos exercer certas ações e não temos dinheiro para o transporte, dificultará  nossa atividade.

Há pessoas cujo hábitos são caseiras e se microcosmo é o trabalho e o viver em casa e no seu bairro e nada mais. Estas pessoas tem um custo de manutenção baixo.

Quanto mais atividades sociais, ou quanto maior a frequencia com que executamos dessas ações, muito maior o custo para manter tais atividades.

Quanto mais ficamos fora de casa, maior a tendência de gastos com transporte, alimentação e comunicação. Além de gastos com outras contingencias, como pegar ônibus errado, acabar a gasolina, furar um pneu e encontrar o estepe furado, demora para chegar no destino e a fome aperta, dentre outras fatores.

Sem o montante necessário para executar essas atividades, não haverá plenitude de suas ações sociais das quais necessita para sua manutenção de vida.

Razão por que, identificar a ARAS , ajudará no planejamento de locomoção, tempo de execução e custos para desenvolver tais ações.

Outro pondo de análise é o custo de se viver no bairro ou região onde mora, comparado aos seus ganhos.

Veja o exemplo abaixo que ilustra bem isso:

Praia Grande - Samambaia(lado Morro) e Caiçara (Lado Praia)
 Aqui na baixada Santista- SP, a média salarial é de R$ 1500,00.

O mapa mostra bairros da mesma cidade divididos pela rodovia.
As pessoas aqui se referem seu local de moradia por "lado praia" ou "lado morro".

O custo de manutenção no lado praia é maior, visto que é composto de residências para uso em alta temporadas de verão, feriados e fins de semana prolongados.
O comércio e serviços são esparsos e se concentram em pequenos núcleos de bairros.
Os valores cobrados pelos produtos nestes comércios são os mesmo ao longo do ano, não diferenciando morador e turista. Portanto, morar no lado praia, requer maior mobilidade para obter produtos a preços de morador e não de turista em outras bairros, o que demanda tempo e transporte. A menos que a renda da pessoa seja suficiente para manter-se nesta área sem que viva com orçamento apartado.

O lado morro tem maior mobilidade social, as ruas são movimentadas, há farto comércio de produtos e serviços que se concentram ao longo de avenidas e ruas principais e também espalhados pelos bairros. Há escolas, postos de serviços públicos, transporte acessível e o custo de manutenção é baixo em relação ao outro lado, de modo que, a faixa salarial média é suficiente para manter este custo.

O que se pretende mostrar com esse exemplo é que, por conta de status ou mesmo vaidade, pessoas moram em bairros, cujo custo de manutenção é alto demais para a renda ou salário que recebe. Nesta caso, estas pessoas vivem sempre no limite do orçamento e não raro tem endividamento crônico.

A escolha de onde morar depende de vários fatores além do custo de manutenção. Mas deve-se levar em conta se a renda que a família provê chegará ao menos no limite orçamentário e se, também, há previsão de obter renda maior em médio prazo que justifique a escolha. Este exemplo se aplica melhor para pessoas que moram de aluguel.
Mas mesmo pessoas que tem imóvel próprio tendem a mudar de bairro,por conta do alto custo de manutenção.


Veja alguns exemplo de ARAS em Esquemas e em um mapa.